BAIXE AQUI O PDF DA CARTA SOBRE A QUARENTENA

Querida família Acalento,

Estamos saudosos, mas infelizmente o nosso poder em “matar” essa saudade é deveras limitado!

Por força da pandemia que assola nosso planeta, fomos obrigados a permanecer em casa, para o nosso bem e principalmente para o bem do outro.

Contudo não nos eximimos das nossas responsabilidades, estamos trabalhando, na medida do possível, para que a nossas crianças não tenham prejuízos neste tempo difícil. A direção, coordenação e professores tem feito reuniões para discussão sobre o que virá. A cada semana vocês receberão algumas atividades que os alunos deverão fazer sobre a orientação de um adulto. São atividades sobre assuntos já introduzidos pelos professores, e que devem ser sempre relembrados.

Alguns pais, que estudam sobre o desenvolvimento humano a partir da luz da Antroposofia, podem compreender o quando este momento é difícil para os dois primeiros setênios, nossos alunos.

O primeiro setênio se caracteriza principalmente, no processo de aprendizagem, pela imitação, tendo a brincadeira instrumento poderoso para o apreender e compreender seu entorno. Através da brincadeira as crianças vão descobrindo regras, compreendendo porque o adulto faz isso ou aquilo. Ainda não desenvolveram um senso de moral, ainda é amoral, e por isso está suscetível a aprender o que é adequado e o impróprio no comportamento do ser humano, imitando-o.

O desenvolvimento físico nesta etapa absorve a maior parte da energia da criança, ela manifesta toda a sua vontade através da intensa atividade corporal. Além disso todos os órgãos de percepção sensorial estão abertos, absorvendo todos os impulsos vindo do ambiente exterior, criando de forma inconsciente o fundamento para sua moralidade futura. 

Ainda em relação ao desenvolvimento, estudamos que o corpo etérico do adulto, que está em constante interação com a criança, auxilia no fortalecimento do corpo físico de forma sutil. Podemos ainda utilizar outra linguagem dizendo que o vínculo afetivo, principalmente com a mãe e familiares, é a base para um bom desenvolvimento.

Assim sendo, conclamamos aos pais que proporcione aos seus filhos atividades lúdicas, conforme foram enviadas pelos professores, podendo repetir o ritmo já enviado. Existem várias boas ideias de como fazer atividades em casa com os pequenos, nas redes virtuais. 

Não se deixem trair pelo desespero deste tempo difícil, passando informações inadequadas aos seus filhos por estarem em casa. Mostrem aos pequenos que eles são importantes para vocês, que este tempo irá passar, e que vocês têm prazer em ficar com eles!

Falemos agora sobre o segundo setênio. É nesta época que todas as forças da criança são dirigidas ao seu desenvolvimento anímico. O corpo físico já está “programado” para um desenvolvimento saudável, o corpo etérico é liberado para moldar a memória, a imaginação. O pensamento nasce das energias do coração, um pensar que ainda não consegue ser analítico e especulativo do terceiro setênio. 

O pensamento se organiza através do concreto que está em volta. Cultivamos este período do pensamento lógico concreto através das imagens que falam ao mundo dos sentimentos, enriquecendo o mundo interior das crianças, ligando-as, assim, aos conteúdos apresentados.

A partir dos nove anos uma grande virada acontece com a criança, sem, contudo, perder a capacidade cognitiva lógica concreta. Nesta idade a criança começa inconscientemente a questionar a autoridade que tanto admirou e respeitou. Conceitos abstratos ainda não são compreensíveis.

Por volta dos doze anos a criança inicia o último estágio postulado por Piaget, que corrobora com o pensamento antroposófico. Surge uma nova capacidade de raciocínio, que possibilita compreender as relações causa-efeito, entendem as leis que regem os fenômenos. Contudo ainda necessita ser conduzida para uma aprendizagem significativa. 

Também não podemos perder de vista que elas estão em pleno desenvolvimento do corpo físico, necessitando de atividades física. E como fazer atividade física em casa? Varrer, lavar, passar, pular corda, pular obstáculos etc.

Concluindo este extenso texto, percebemos que esses dois primeiros setênios ainda dependem muito do adulto, mas os alunos do fundamental II já adquiriram alguma autonomia e condições de abstração que nos permite fazer algumas intervenções pedagógicas online. A coordenação enviou um aviso sobre o assunto.

Todavia precisamos compreender que a escola não é só palco de transmissão de conhecimento, como também local de intensa troca anímico-espiritual.

Aproveitamos a oportunidade para pedir aos pais e responsáveis que façam uma meditação sobre se é essa realmente a escola que desejam para seus filhos. Sei que contamos com pais que nos respeitam, sabem da nossa lisura, seriedade e compromisso. Compreendo que esse difícil tempo leva a stress, consequentemente alguns têm reações e atitudes às vezes desproporcionais, disseminando discórdias e inverdades nas redes sociais. Peço que cada um reflita se é essa a escola que realmente quer para seus filhos.

Que Deus nos ajude a passar por essa pandemia com integridade.

Atenciosamente,

Miriam

BAIXE AQUI O PDF DA CARTA SOBRE A QUARENTENA


Comunicados


Calendário

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sáb
Comunicados

Mural
de notícias

Acalentando Episódio 2

Nesta quarta, dia 10, vamos ajudar a descomplicar o isolamento dos nossos pequenos do 1º setênio, com a experiência da professora Carmem Zietemann e de famílias da Acalento, além da participação especial de Mariana De Vita Sales. Não percam! ▶️ EP2 – Descomplicando no isolamento (1º setênio)🗓️ 10/06 (quarta-feira)⏰ 20h👉🏽 Youtube.com/escolaacalento

Leia mais

Carta aos pais 15/04

Queridos pais,  Pegos de surpresa pela covid 19, ficamos estupefatos e corremos na tentativa dos alunos não perderem o ritmo do ano letivo. Contudo, passado o susto, conversando com o corpo colegiado, ouvindo alguns pais, lendo sobre a atual circunstância, e, sobretudo, recobrando os nossos princípios pedagógicos, tivemos que “dá um freio de mão”, para […]

Leia mais

BAIXE AQUI O PDF DA CARTA SOBRE A QUARENTENA Querida família Acalento, Estamos saudosos, mas infelizmente o nosso poder em “matar” essa saudade é deveras limitado! Por força da pandemia que assola nosso planeta, fomos obrigados a permanecer em casa, para o nosso bem e principalmente para o bem do outro. Contudo não nos eximimos […]

Leia mais

Rua Priscila B Dutra, 541,
Buraquinho, 42709-200 Lauro de Freitas, Brasil

T: +55 71 3379-9180
    +55 71 99988-4943
    +55 71 98749-6892
E: secretaria@escolaacalento.com